Espanto, assombro, lucinação

Partiu, no domingo, o dia de Apolo, da beleza e da luz, o poeta do espanto, do assombro, da lucinação. Sim, o poeta como filósofo, para quem a próxima faceta do pensar se mostra feito bomba, luminífera, a explodir as consolidadas (in)verdades. Luz, luz em todos os instantes, em toda a existência a transformar o cotidiano bizarro, bruto, rude, em constante alucinação/lucinação, a clarear outras realidades, tantas vezes mais reais que a parca tridimensionalidade, tão inverídica, tão ilusória.
Olhando do ângulo interno, da lucinação em que vivia, Ferreira Gullar não morreu: nasceu para a luz que o buscou e espantou e o assombrou por tanto tempo, e que ele traduziu na poética do verso, da prosa, do discurso. Desde o quatro de dezembro de 2016 Ferreira Gullar vive, em toda sua feérica magnitude, o espanto supremo de saber-se luz. Travestido do espanto, descobriu-se, ele próprio, o lúcifer redivivo a traduzir luz para o reino das sombras que habitamos.
Não foi nunca gratuito o espanto que produziu aos nossos olhos empedrados, ainda que diamantíferos, com sua produção intelectual. Foi sempre a explosão do próprio assombro diante da revelação, o espanto próprio do que se pensa finito e limitado ao vislumbrar o infinito caleidoscópio da vida.
“Quero entrar no mar e ir embora” disse o poeta nos momentos finais. Queria entrar no infinito de horizonte e de profundidade, de tons e semitons cambiantes como a vida e seus parâmetros de tradução. Para seu espanto e assombro, conseguiu: entrou num mar de luz e se foi embora. Apolo o recebeu, radioso, no domingo. Viva Ferreira Gullar!

Anúncios

Sobre casagrande

Sou leitor. E escrevo.
Esse post foi publicado em crônica. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s