Arquivo do mês: junho 2014

Borra

Borra   A mó do tempo Reduz os dias a pó. Na maioria eles Têm o amargor do fel, Alguns, poucos, a delícia do mel. É deles que faço, Com leite ou cachaça, A beberagem noturna. Mas de todos resta, … Continuar lendo

Publicado em Poesia | Deixe um comentário